U.Mode

Confira o que não pode faltar nas campanhas de black friday dos e-commerces de moda

O mês de novembro é mundialmente conhecido como o mês da black friday, momento ao qual o setor de varejo pode aumentar potencialmente seus lucros e vendas com promoções. Nesse sentido, a campanha black friday é uma das melhores estratégias para as marcas e e-commerces de moda que buscam se destacar dentre tanta concorrência . 

Com campanhas e ofertas bem planejadas, as plataformas de e-commerce realizaram um alto número de vendas durante o mês de novembro, só no ano passado, a Ebit/Nielsen apurou que as vendas no Brasil movimentaram 4 bilhões de reais nos dias 26 e 27.

Como se destacar na Black Friday. | Foto: Unsplash

Mas para fazer sua marca se destacar é necessário apresentar uma campanha de black friday eficiente e que chame a atenção dos potenciais clientes, instigando-os a comprar seu produto nessa época tão lucrativa. Pensando nisso, a  Umode  preparou uma série de dicas que podem te ajudar na hora de vender seus produtos durante a black friday.

Vale lembrar que de acordo com um estudo da Méliuz, 71% dos brasileiros pretendem realizar compras durante a black friday deste ano, o que indica que será um ótimo período para lucrar com sua marca.

Passo a passo para realizar uma campanha de black friday de sucesso

Prepare-se para um aumento na demanda

Garanta sempre um bom estoque. | Foto: Unsplash

Não é novidade que a venda de produtos aumenta muito durante todo o mês de novembro por conta das promoções. Sendo assim, prepare e planeje um estoque maior do que o normal para esse período. 

Lembre-se de fazer uma pesquisa breve sobre os produtos que estão sendo mais procurados e não aumente o estoque apenas das coisas que estão em promoção, pois muitas vezes o cliente pode se sentir instigado a comprar outros produtos além dos que estão na promoção já que ele já está fazendo uma compra na loja.

Em 2016, as queixas por falta de produto no Procon-SP foram de 35,6%. O pesadelo de todos os varejistas, ter demanda mas não ter o que vender.

Se preparar para o aumento de demanda não se resume só nisso, é necessário também ter um sistema de tecnologia muito bom quando estamos falando de e-commerces, o site não pode cair caso o fluxo de pessoas acessando aumente, como também as entregas não podem atrasar muito e nem serem vendidos produtos além do estoque. 

Conheça seu público

Saiba quem irá buscar sua loja. | Foto: Unsplash

Saber para quem você vai vender também é muito importante. Conhecer seu público alvo te permite criar campanhas e promoções voltadas especificamente para eles.

Saiba qual a faixa etária do seu público e que tipo de coisa eles mais gostam de consumir, para que assim as promoções sejam geradas sobre esses determinados produtos.

Uma dica para quem está com dificuldade de selecionar produtos que entrarão na promoção é realizar enquetes por meio das mídias sociais para que seus clientes e pessoas que acompanham a marca possam votar no que preferem. 

Para sua campanha ser mais efetiva foque sua ação de marketing busque pelos dados dos próprios clientes da empresa, fatores como sexo, renda e faixa etária são de extrema importância para criar campanhas que se destaquem na black friday.

Em que tipo de oferta deseja focar

Quais são as promoções que você irá oferecer ? Não adianta colocar descontos muito altos em apenas três produtos ou criar ofertas que não agradem o público, por exemplo. 

Antes da Black Friday, é necessário analisar qual será seu tipo de oferta, se será queima de estoque, desconto em produtos de uma coleção recente ou em um segmento específico?

A melhor forma de decidir isso é através de uma análise com antecedência, pense sempre se você terá à disposição dos clientes os produtos que deseja ofertar. Não adianta querer colocar desconto nos produtos novos se seu estoque é baixo.

Amplie canais de comunicação

E não tem como falar de sair na frente com sua campanha black friday sem comentar sobre a importância de estar presente nos mais variados canais de comunicação. 

Já se foi o tempo em que distribuir panfletos e colocar anúncios na porta de sua loja era o suficiente. Agora é de extrema importância espalhar seus anúncios o máximo possível pela internet em plataformas como o instagram, twitter, facebook e até mesmo whatsapp, por que não mandar uma mensagem para seus clientes fixos informando sobre as promoções?

Não se esqueça que cada plataforma pede por um tipo de propaganda da Black Friday. No WhatsApp, por exemplo, você pode focar mais em mensagens de texto e imagens enquanto o instagram é legal utilizar os recursos do story e vídeos.

Cadastro de clientes

Use os cadastros a seu favor. | Foto: Unsplash

Como dito anteriormente, mandar mensagem pode ser uma boa, mas para isso é necessário ter o cliente cadastrado no site. Sendo assim, comece antes mesmo da black friday a pedir um cadastro obrigatório na hors de comprar qualquer produto.

Isso pode ser muito bom para as épocas de black friday como qualquer outra data em geral, já que você pode mandar email sempre quando tiver qualquer tipo de mercadoria nova ou promoção.

Outro ponto interessante é disponibilizar descontos na primeira compra ou cupons via email caso o cadastro seja realizado. Além disso, ter o cadastro dos seus clientes é excelente para poder conhecer melhor quem compra da sua marca e realizar análises de mercado.

Benefício extra

A mágica dos descontos progressivos. | Foto: Unsplash

Crie promoções cumulativas e progressivas. Isso acaba despertando um maior desejo nos consumidores, já que o desconto fica maior se seu carrinho de compras estiver maior.

Uma ótima dica de benefício extra é oferecer o frete grátis para todo o Brasil independente do valor da compra, isso com certeza será um diferencial em relação às outras marcas durante a black friday.

Não se esqueça que você pode fazer sua marca ter quase um mês de black friday ao invés de dois dias apenas. A famosa pré black friday e pós black friday é uma ótima opção, mesmo que você utilize descontos menores nas semanas que antecedem a black friday e depois. Sua marca pode oferecer 15% de desconto é só aumentar o mesmo nos dois dias em específico de black friday, dessa forma você impulsiona suas vendas durante três semanas.

Exemplos de campanhas que deram certo

Quais as táticas que funcionam melhor? | Foto: Unsplash

E por que não se inspirar nas melhores campanhas de black friday? Separamos algumas ideias que podem dar muito certo.

Vendas no escuro, como a feita pela Magazine Luiza, são uma ótima opção. Coloque vários valores aos quais a pessoa compra sem saber o que está comprando, apenas que é o valor equivalente a certo produto ou menor do que ele realmente custa, como um celular de mil reais por oitocentos, a pessoa compra a caixa de oitocentos sem saber que tem um celular. Lembrando que a devolução do dinheiro dentro de 07 dias úteis é um direito do consumidor. 

Tanto a Dafiti como as Americanas têm usado o método supracitado de aumentar os dias de oferta para lucrar mais. Além disso, a Americanas brinca com a curiosidade das pessoas ao avisar que vai liberar uma grande promoção em um horário específico. 

Você também pode fazer como a Ricardo Eletro e criar uma propaganda em vídeo que seja divertida e tenha o potencial de virar um viral na internet por ser engraçado, chamando assim atenção para a marca.

Como impulsionar campanhas para Black Friday

Campanha black friday. | Foto: Unsplash.

De modo geral, o segredo do sucesso para fazer uma boa campanha black friday é ser criativo e ter um bom planejamento prévio com um sistema operacional que funcione perfeitamente. Ainda mais quando o assunto é moda, a estética importa bastante e saber que tendências seus consumidores estão aderindo é primordial. 

Enfim, se você quer estourar em vendas, faça uma boa campanha black friday. Precisa de uma ajudinha para gerir e criar? Então a melhor plataforma para isso: a Umode, acesse agora! 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: