U.Mode

Confira mais sobre o marketing voltado para moda

Quando se fala em Marketing de moda, estamos falando sobre todo o gerenciamento que se deve fazer em campanhas. Nesse aspecto, é preciso ficar atento nas promoções, para assim, poder saber como, onde e para quem vender uma determinada peça.

Marketing digital para moda: o que é?

Há muitas etapas internas e, quando bem realizadas, fazem total diferença no Marketing digital para moda. Um bom exemplo disso, são os próprios designers. Eles que colocam suas peças na frente dos clientes, e conseguem produzir o desejo de consumo daquela peça ou coleção. Isso é uma prévia do chamado de Marketing de moda. 

Marketing digital para moda: como fazer?

Como qualquer outro tipo de marketing, o marketing para moda (e o seu gerenciamento) é a prática de anúncio, propaganda, determinação do perfil dos clientes (de onde são, faixa etária, classe A ou B ou C), dentre outros. É um estudo que se deve construir para se alcançar essa gestão e controle do marketing de moda. 

O marketing para moda pode alavancar a sua nova coleção I Foto: Pixabay

E assim como outros tipos de produção de marketing, a criatividade é crucial para lidar com os clientes. Sejam eles fixos, novos ou mesmo potenciais clientes, fazer essa apresentação de produto que dê desejo de vestir uma peça é a chave do marketing para moda.

Marketing digital para moda: comportamento do profissional

Existe um detalhe importante a ser ressaltado no Marketing de moda. Pelo fato de ser uma indústria muito acelerada, os prazos são curtos, os ciclos de marketing são menores e, logo, encontram-se em constante mudança.  

Isso faz com que os profissionais que trabalham na área de Marketing de moda, precisam estar mais atentos e acompanhar de perto as últimas tendências da área. É necessário, também, colocar a criatividade para trabalhar, criando um planejamento sólido e atrativo para os futuros anúncios de peças e coleções novas. 

 O profissional que estiver trabalhando nesta área terá que saber como equilibrar, muito bem, o desejo de gerar lucro, criatividade e, finalmente, efetuar o objetivo principal: gerar a venda para os clientes. 

Marketing digital para moda: na prática

O profissional da linha de frente do Marketing digital para moda, deve estar ciente de que algumas atividades são da sua responsabilidade. Veja cada uma e a relevância delas.

Design e desenvolvimento da marca

É importante que se crie uma história por trás da marca. Assim, dando esse contexto para o cliente, ele vai poder ter uma boa relação com a loja, se sentindo mais íntimo da marca e com vontade de fazer parte dela. Sempre ressaltar essa história em logotipos, paleta de cores, layout e afins! Usando todos esses tópicos de modo integrado, a marca transmite unidade e humanização (considerando a história também).

Desenvolver e gerir campanhas publicitárias

A criatividade deve andar ao lado do profissional desta área, bem como a pesquisa de trabalho, para assim poder criar anúncios que atraiam o cliente. Também deve haver um planejamento de mídia, organizando a distribuição desses anúncios, seja em jornais, revistas, vídeos promocionais do youtube e, até mesmo, parcerias com digitais influencers.  

É preciso trocar experiências com quem entende do assunto. O mesmo vale para contratar profissionais que dominem o marketing digital para moda para te ajudar.

Preços e distribuição

Por mais que não pareça, é muito importante ter essa pesquisa e análise de preços, inclusive, considerando os seus concorrentes. Desse modo, você pode organizar a demanda e tornar seu produto o mais atrativo possível (a custo baixo, se possível). 

Marketing digital para moda: Loja de roupas

Quando se quer criar uma loja, além de saber sobre o Marketing em si (redes sociais, blog, site, pesquisas e análises), há detalhes relevantes, que fazem total diferença na hora de se ter uma loja ou até mesmo de aprimorar, modernizar um estabelecimento já existente.

Persona

Construa uma persona (perfil fictício do cliente ideal do seu negócio da moda). Quando falamos em mundo da moda, é essencial a criação de uma boa persona, já que assim se tem uma melhor ideia de quem é o seu público-alvo, conhecer seus gastos e necessidades. Essa aproximação faz total diferença na hora das vendas, pois te ajuda a direcionar esforços e vender para um determinado perfil.

Comunicação

Defina o seu jeito de se comunicar. Dependendo do perfil da sua persona, é essencial estipular um modo de se comunicar:vai ser algo mais sofisticado? Algo mais teen? Mais íntimo com seus seguidores/consumidores? Defina isso na sua estratégia de planejamento de marketing.

Parcerias

Invista em parcerias. Com as redes sociais em crescimento, nasceram os digitais influencers ou blogueiros, pessoas influentes, com muitos seguidores fieis. Logo, investir em uma parceria com digitais influencers pode ser muito bom para aumentar seu público, sem falar que é uma maneira de propaganda de seus produtos. Pense: o seguidor vê alguém famoso tirando foto com um produto seu ou fazendo uso de um serviço. Naturalmente, a pessoa vai sentir vontade (ser influenciada) de consumir aquilo também.

Conteúdo

Produza conteúdo para seu público. Não basta apenas postar suas peças de roupa, invista na produção de conteúdos divertidos (e de valor) para seus consumidores. Isso mostra que você está por dentro do que rola no mundo digital, deixa sua imagem mais rica, transmitindo autoridade e visão de mercado. Um material tira-dúvidas pode ser uma boa opção!

Marketing digital para moda: importância da estratégia

Com a chegada do meio digital, o Marketing de moda ganhou um novo nome, o marketing digital para moda. Mas não foi apenas o nome que sofreu mudanças. O próprio marketing teve que se adaptar a este novo meio de comunicação, que vê crescer, cada vez mais, o número de plataformas e meios de vender on-line. 

Essa mudança de configuração tem contribuído para uma boa relação entre cliente e marca. O mundo online possibilita ao cliente expressar melhor o que gosta e o que não gosta.

Marketing de moda: onde fazer?

Como em qualquer nicho, o Marketing Digital exerce um papel poderoso na moda, usando estratégias de comunicação para promover a marca no mundo digital e atraindo clientes.

Marketing de moda nas redes sociais

Graças à internet, o consumidor pode escolher as marcas que quer conhecer, usando recursos das próprias mídias sociais, como likes, compartilhamentos, botões de seguir, dentre outros. Isso facilitou saber a qualidade e a maneira como o cliente vê a marca, assim, conseguindo construir uma boa relação de cliente e marca. 

As redes sociais, além do baixo custo, são uma boa fonte de busca de novos clientes, bem como saber o que querem, quando e conhecer as tendências do mercado. Também estreita a relação do cliente e da marca, gerando mais “intimidade”.  

Para te ajudar, a U.mode separou algumas redes sociais, onde é possível fazer seu Marketing Digital para moda, confira:

  • Facebook;
  • Instagram;
  • Youtube;
  • Twitter;
  • E-mail

Umode

Não quer que sua marca passe despercebida pelas pessoas? Deseja reduzir os gargalos da sua empresa, mas tem dificuldade em aplicar a teoria das restrições na prática? Ou ainda, não sabe qual a melhor forma de implementar processos com indicadores? Gostou de saber mais sobre marketing digital para moda? Então você está no lugar certo.

Como você deve saber, o marketing de moda tem dificuldade de acesso a todos os atributos e argumentos de venda e descrição do produto, além disso, muitas vezes não chega para o marketing de moda o storytelling da coleção. 

Pensando em solucionar esses problemas, a U.Mode ajuda para que o processo de análise, planejamento, criação e produção estejam interligados, para que, quando a produção for aprovada, o marketing tenha todos os dados organizados. Desse modo, as ações ficam automatizadas no marketing em decorrer da coleção, como: gestão de shooting, fotos, descrição e legenda para o e-commerce, além de atributos.

Assim, a Umode é uma empresa de inovação 100% engajada no mercado de moda e, claro, no marketing para moda! Através da tecnologia e pessoas incríveis, cria soluções que revolucionam a forma de “encarar” a gestão do processo de coleções.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: