Moda praia e fitness: como adaptar a sua coleção para esses nichos

O verão chega acompanhado da vontade de ousar. Moda praia e fitness são características, principalmente, dessa estação. Por isso, saber como adaptar sua coleção de moda para esses nichos é essencial para bombar e ganhar o público interessado. A seguir, você irá entender como adaptar sua coleção para a moda praia e moda fitness, além de descobrir como ajustá-la às principais tendências da estação.

Entenda o mercado

Quando se fala em moda praia, de acordo com a Associação Brasileira de Indústria Têxtil (Abit), o setor consome por volta de US$ 1,5 bilhão por ano no mercado nacional. Ainda, de acordo com dados do IEMI (Inteligência de Mercado) referentes a 2017, o segmento é especialmente famoso fora do Brasil, o que abre margem para a exportação.

Já a moda fitness tem crescido cada vez mais. De 2011 a 2016, a participação do mercado fitness cresceu 20%, o correspondente a 80 milhões de reais. Ainda, de acordo com o Sebrae, o Brasil é um dos países com mais academias do mundo, o que reflete a busca do brasileiro por padrões de vida saudáveis.

É sempre importante perceber o mercado ao realizar qualquer planejamento, principalmente pelo momento que todos estão vivendo, enfrentando a pandemia do coronavírus. Ao pensar em uma coleção de moda, seja ela praia ou fitness, deve-se levar em conta todos estes aspectos que podem vir a aumentar, ou diminuir, o ciclo de vida útil do projeto.

Conheça seu público

Ao pensar em moda praia ou fitness, um passo de extrema importância é perceber e estudar o público da sua coleção. Dessa forma, terá uma ideia mais clara e definida da direção que deseja seguir durante a criação das peças, pois desenvolverá de acordo com as necessidades específicas do grupo em questão.

Na adaptação de uma coleção para moda praia, por exemplo, é importante definir para quais pessoas serão destinadas suas peças. Se para mulheres, deve-se apostar em maiôs e biquínis, além de acessórios, como óculos de sol femininos e cangas. No caso de homens, bermudas e sungas. Enquanto para crianças, peças infantis.

Já, quando se fala da moda fitness, o principal público-alvo são pessoas de 15 a 30 anos. E, segundo a pesquisa de Inteligência Setorial, realizada em 2015 pelo Sebrae, os consumidores deste nicho procuram por roupas mais confortáveis, tecnológicas e estilosas, ou seja, eles querem sentir-se bem. Vem daí a importância de estudar seu público-alvo, é por meio do estudo que se entende suas necessidades.

Moda fitness. | Foto: Pixabay.

Descubra as tendências da moda praia e moda fitness

Por falar em necessidades, descobrir a tendência de moda praia e moda fitness também é crucial para uma coleção de sucesso. Em ambos os nichos as pessoas querem estar na moda. Além disso, hoje em dia, a usabilidade, praticidade e conforto são tendências e contam muito na hora de alguém montar um “look”, seja para a praia, ou academia.

Algumas das principais tendências na moda praia em 2020 são: as cores neons, que são divertidas e a cara do verão, o decote reto, tendência de moda dos anos 90 que voltou com força em 2020, e o tie dye que, favorito das fashionistas e it girls brasileiras para este ano, vem inundando a Internet e viralizando em diversas redes sociais.

Já, quando se fala em moda fitness, como já dito anteriormente, as pessoas estão cada vez mais buscando roupas que as façam sentir confortáveis. Elas procuram por tecidos leves, que possam usar também no dia a dia, e funcionais, que tenham compartimentos para guardar itens como chaves, celulares e fones de ouvido.

Aposte em acessórios da moda

Os acessórios são ótimos complementos para qualquer coleção: quando se trata de moda praia e fitness não é diferente. No caso da moda praiana, pode-se apostar em alguns que são tendência, como brincos e colares de conchas, além de óculos da estação. Enquanto na moda fitness, o ideal é trazer acessórios como bonés, bolsas e viseiras.

Acessórios praianos, tendência de moda. | Foto: Pixabay.

Seja qual for o nicho, moda praia ou moda fitness, adaptar sua coleção é uma tarefa que exige bastante pesquisa e dedicação. Por isso, é importante ficar de olho no mercado, público-alvo e tendências na hora de apostar em uma adaptação, além dos acessórios, que podem ser ótimos complementos.

Deixe uma resposta