U.Mode

moda vintage

O estilo vintage é tendência de moda para 2021? Saiba mais!

Se tem uma tendência de moda que voltou com tudo no ano passado, com certeza foi o estilo vintage. Este estilo foi sucesso com as influenciadoras digitais em 2020 e muitas pessoas começaram a implementar essas peças nos seus looks e estilos pessoais do dia a dia.

Esse movimento em direção ao vintage já ocorre há alguns anos, mas ganhou força expressiva em 2020, se tornando uma das principais tendências de moda. Mas será que o vintage é a tendência de moda 2021? Então, vamos ver que aspectos do estilo devem se manter em alta neste ano!

2021 promete o fortalecimento do estilo vintage | Foto: Unsplash

O que é estilo vintage?

Existe muito debate entre especialistas sobre o que pode ser considerado uma peça vintage. As definições de vintage, retrô e antiguidade na moda são bem tênues, o que pode gerar confusão. Mas, no geral, há o seguinte consenso:

  • Vintage: qualquer peça com mais de 20 anos e menos de 100 anos de idade
  • Retrô: qualquer peça que traga uma tendência de décadas passadas. Também existem especialistas que definem o retrô como uma releitura de uma tendência do passado, enquanto que o vintage são peças literalmente produzidas do passado
  • Antiguidade: qualquer peça com mais de 100 anos de idade.

O papel da cultura pop na volta ao vintage

A estética vintage/retrô esteve super em alta nos mais diferentes campos da cultura pop, desde séries até a música. Esse recente movimento em direção ao passado focou principalmente nos anos 1980 e 1990.

Por isso, tantas tendências de moda desse período voltaram e já são facilmente encontradas nas lojas. Podemos citar, como exemplo, o sucesso da série norte-americana Stranger Things, que a estética dos anos 1980 e inspirou muitos looks, em especial dos mais jovens.

A música vive um momento similar de volta aos anos 1980, um exemplo é a cantora britânica Dua Lipa, que trouxe não só as referências musicais do período, mas também as referências fashion nos seus figurinos para clipes e aparições públicas.

Quais as tendências vintage para 2021?

Existem diversas tendências que foram populares no passado, mas apenas algumas estão voltando. Das que voltaram, seja do jeito que eram ou repaginadas, podemos citar:

Blusas de gola alta

As blusas de gola alta são mais um tendência vintage que voltou com tudo | Foto: Unsplash

Essas blusas foram um ícone fashion do século XX e fizeram parte dos looks de grandes estrelas do cinema. Inclusive, ficaram bastante associadas a Audrey Hepburn, atriz conhecida por seu papel no filme Bonequinha de Luxo (1961) e que costumava usar blusas de gola alta.

Após anos “esquecidas”, elas voltaram com tudo. Permanece a escolha por cores básicas, como preto ou branco, mas as escolhas das mangas mudaram. Se no passado a preferência era por mangas longas, hoje em dia a tendência é mangas curtas.

Peças xadrez

Essa é uma tendência que nunca sai de moda, mas que ultimamente tem ganhado cada vez mais atenção. Em especial um tipo específico de xadrez, o vichy. O xadrez vichy foi uma das marcas do estilo da atriz francesa Brigitte Bardot, que amava a estampa e usou inclusive em um de seus casamentos.

O xadrez vichy, sucesso no começo do século XX, voltou com tudo em 2021 | Foto: Unsplash

Apesar das piadas que relacionam o xadrez vichy às toalhas de piquenique, já que tradicionalmente elas possuem essa estampa também, a estampa voltou com tudo em 2021. Mas a preferência atual são cores que saiam das combinações tradicionais – vermelho com branco, preto com branco e azul com branco.

Tie-dye

Esse foi o símbolo da quarentena, com todo mundo fazendo a sua própria camiseta tie-dye. O que poucos sabem é que o tie-dye pode ser considerado uma tendência vintage, afinal sua origem está nos hippies dos anos 1960 e 1970.

O tie-dye foi uma febre em 2020, durante a quarentena | Foto: Unsplash

O termo tie-dye, traduzido para o português, significa “amarrar e tingir”, em referência ao modo de tingimento da peça. Mesmo que tenha ficado popular em 2020 seja o “tie-dye faça você mesmo”, muitos estilistas já estão incorporando a estampa na sua coleção de moda. Afinal, nem todo mundo tem disposição para fazer sua própria peça, o que criou uma demanda no mercado de moda.

Jardineiras e Salopetes

Originalmente inspirados pelas roupas de proteção usadas por trabalhadores industriais, as jardineiras e salopetes ganharam as passarelas nas décadas de 1980 e 1990 e foram uma tendência importante na moda deste período.

As jardineiras e salopetes, sucesso nos anos 1980 e 1990, voltaram cheias de estilo | Foto: Unsplash

Agora as jardineiras e salopetes voltaram com força na onda vintage. Ao contrário do passado, onde geralmente o jeans dominava, atualmente a aposta é em outros tecidos e em peças um pouco mais sofisticadas ou xadrez.

O estilo vintage continuará forte em 2021?

A moda costuma ser responsiva ao momento. Desde 2019 vemos o aumento do interesse pela estética retrô/vintage. Podemos facilmente ver isso em filmes, músicas e em clipes.

Em 2020 a tendência continuou forte e não existe, em um curto prazo, uma expectativa de mudança nesse cenário. Ao que parece a tendência vintage veio mesmo para ficar. Resta-nos saber por quanto tempo.

Você é estilista e quer incorporar as últimas tendências no seu trabalho? A U.Mode pode te ajudar! A U.Mode é uma plataforma de fashion PLM totalmente brasileira, em que é possível digitalizar os processos de desenvolvimento da sua coleção de moda. A U.Mode também conta com uma gama de soluções digitais que podem te ajudar bastante no processo de criação da coleção. Acesse aqui e saiba mais!

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: