Tudo sobre a semana de moda em setembro

Com a chegada de setembro, o mundo agora está atento à semana de moda de cada uma das grandes cidades, capitais dos desfiles mais populares do globo. Seguindo o calendário de estações do hemisfério Norte, agora é a vez das coleções de moda Primavera/Verão 2021.

Após o anúncio de que as Quatro Grandes Capitais da Moda: Milão, Nova York, Paris e Londres, retornariam em setembro para o show de desfiles das novas coleções, a pergunta do que seria feito frente à uma pandemia ficou no ar. Mesmo com a saída de grandes casas de moda de luxo, como Moschino e Gucci, outras marcas entraram de cabeça na proposta do novo formato híbrido para as apresentações, juntando programações on-line e presenciais. Algumas outras edições ao redor do mundo também seguiram esta ideia, como no caso da Mercedes-Benz Fashion Week de Madrid, programada do dia 10 até 13 de setembro.

Desfiles online e presencial serão opções em meio a pandemia | Fonte: unsplash.com

As mais famosas semanas de moda já estão com quase tudo pronto e só falta aguardar a data. Confira!

Milan Fashion Week (22 – 28 setembro)

Após a edição on-line de Outono/Inverno da Semana de Moda de Milão em fevereiro deste ano, o retorno dos desfiles presenciais na Milan Fashion Week está confirmado para o final de setembro. O evento conta com 28 desfiles presenciais divulgados, incluindo marcas como Fendi, Versace, Giorgio Armani e a estreia de Raf Simons para a nova coleção de moda da Prada.

Na opção digital, 24 desfiles estão previstos para a semana, incluindo marcas como Missoni, Dsquared2 e GCDS.

New York Fashion Week (13 – 16 setembro)

Sendo a mais curta comparada ao tempo das outras cidades, e os Estados Unidos com o maior número de casos confirmados de coronavírus atualmente, a semana de moda de Nova York tem poucas marcas para apresentações presenciais, como a Jason Wu e Christian Siriano. Marc Jacobs, Ralph Lauren e Michael Kors optaram por se retirarem do evento.

Outras nomes também estão confirmados, apesar de ainda não ter sido especificado o formato. A CFDA já anunciou o lançamento de uma plataforma on-line chamada Runway360, dedicada exclusivamente à semana de moda da cidade. Além disso, a previsão é de que os desfiles não tenham público presencial.

Paris Fashion Week (28 setembro – 6 outubro)

Uma das primeiras a anunciar a volta ao formato presencial de desfiles, seguindo as normas das autoridades francesas de saúde, a Semana da Moda de Paris também adotará o formato híbrido de evento, complementando a experiência por meio de programações on-line, ainda não divulgadas. As grandes marcas de luxo Chanel, Dior e Louis Vuitton estão confirmadas como algumas das atrações para o evento.

Coleções de moda Primavera/verão serão apresentadas durante os desfiles | Fonte: unsplash.com

Uma das ausências notáveis para o desfile francês foi a da marca Saint Laurent, que adotará outro formato para a divulgação da coleção.

London Fashion Week (18 – 22 setembro)

A Semana de Moda de Londres está adaptando-se a um novo formato híbrido de apresentações. O evento criou uma plataforma nova em junho, com conteúdos exclusivos referentes à cada marca incluída. Seu calendário contará com peças de moda feminina e masculina misturadas em três seções: Digital, Presencial e Digital-Presencial.

Simone Rocha, Roksanda, Amanda Wakeley e Sharon Wauchob estão confirmadas nos desfiles físicos. Já empresas como Erdem, Victoria Beckham e Burberry optaram pelo desfile Digital-Presencial.

Deixe uma resposta